spot_img
terça-feira, maio 17, 2022
spot_img

Dez logomarcas automotivas e suas origens

Mais ou Menos
- Publicidade -spot_img
spot_img

Quase tão importantes quando o estilo da carroceria, as logomarcas dos carros muitas vezes procuram resumir as origens e características que uma montadora quer passar em relação aos modelos que fabrica. Confira a seguir 10 desses “brasões” e algumas curiosidades sobre eles.

1 – Audi

As quatro argolas unidas representam as marcas alemãs que formaram a Auto Union, conglomerado fundado em 1947. São elas: Horch, Audi, Wanderer e DKW. No dia 1º de janeiro de 1985, a Auto Union – que então já pertencia à Volkswagen – passou a se chamar Audi AG.

2 – Alfa Romeo

O símbolo é formado pela bandeira com a cruz vermelha (brasão da cidade de Milão) e por uma serpente devorando um homem (amedrontador símbolo da família real milanesa).

O nome do fabricante italiano – fundado em 1910 e, hoje, pertencente ao Grupo FCA, de Fiat e Chrysler – é a combinação da sigla A.L.F.A (Anonima Lombarda Fabbrica Automobili) com o sobrenome do engenheiro Nicola Romeo, fundador da marca.

Já o famoso trevo de quatro folhas – “Quadrifólio” dos esportivos da Alfa Romeo representa o amuleto usado pelo piloto Ugo Sivocci, considerado herói da marca depois de ter morrido em um acidente, em 1923, no circuito de Monza (Itália). A partir de então, todos os carros Alfa de corrida passaram a ter esse logotipo na carroceria.

3 – BMW

Também associada a dois rins humanos, a marca da empresa alemã representa uma hélice de avião, nas cores azul e preta. Foi criada depois que os irmãos Karl Rath e Gustav Otto conseguiram permissão do governo alemão para produzir motores de avião, em 1917.

O primeiro carro a ter o símbolo da marca alemã foi o modelo Dixi 3/15, de 1928. BMW é a abreviatura de “Fábrica de Motores da Bavária” (Bayerische Motoren Werk).

4 – Cadillac

A famosa marca de luxo pertencente à General Motors e tem seu emblema derivado do brasão da família de Sir Antoine de la Mothe Cadillac, o fundador da empresa, no início da Era do Automóvel. Seu visual clássico, com uma grinalda de pluma, confere ainda mais “pose” aos carros.

5 – Ferrari

O cavalinho preto empinado sobre o fundo amarelo aparecia na fuselagem do avião de Francesco Barraca, piloto de caça italiano morto na Primeira Guerra Mundial e muito popular, então.

A pedido da mãe de Barraca, o comendador Enzo Ferrari passou a adotar o emblema nos carros de sua escuderia (que ainda eram de outras marcas) a partir de 1923. E, quando fundou sua própria fábrica, em 1947, adotou o mesmo emblema para seus carros.

6 – Lamborghini

Ferruccio Lamborghini, fundador da marca italiana, adorava touradas. Daí escolheu o touro, que aparece no símbolo dos bólidos que a marca produz, além de dar nomes de touros famosos aos seus modelos.

O costume é preservado até os nossos dias – hoje pertencente ao grupo Volkswagen –, com nomes como Murciélago, Aventador, Huracán e Urus.

7 – Maserati

O tridente de Netuno, símbolo da cidade de Bolonha, onde a fábrica foi fundada em 1919 pelos irmãos Carlo, Bindo, Alfieri, Ettore e Ernesto Maserati, está estampado em seu emblema. Hoje, a marca pertence ao Grupo FCA (Fiat-Chrysler) e usa motores desenvolvidos pela Ferrari.

8 – Mercedes Benz

A estrela de três pontas tem a intenção de representar motores para uso nos “três ambientes”: terra, água e mar produzidos pela indústria alemã. A ideia teria surgido depois que Gottlieb Daimler, seu fundador, enviou um cartão-postal para sua mulher, dizendo que a estrela impressa no cartão brilharia sobre sua obra.

9 – Rolls-Royce

Originalmente, os dois “R” do emblema da aristocrática marca inglesa eram impressos em vermelho. Com a morte de seus dois fundadores, Charles Rolls (1910) e Frederick Royce (1933), as letras passaram a ser grafadas em preto, em sinal de luto. Hoje, pertencente à BMW, mantém a elegância, empurrada por motores V12 turbinados.

10 – Porsche

O emblema ostentado pelos mais clássicos esportivos alemães desde 1949 é composto por dois brasões sobrepostos: o da região de Baden-Württemberg e o da cidade de Stutgartt (o cavalo empinado), onde fica a sede da empresa, que hoje também pertence ao Grupo Volkswagen.

- Publicidade -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img
Últimas Notícias

McDonald ‘s anuncia saída da Rússia e deve deixar mais 60 mil desempregados

A McDonald 's decidiu se retirar do território russo e anunciou que está vendendo todas as lojas da rede....

Inscrições para estágio em Direito na PGE começam hoje em Manaus

Manaus/AM - As inscrições para o processo seletivo de novos estagiários de Direito para a Procuradoria Geral do Estado...
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img